Polícia Civil prende homem que se dizia policial

A Divisão de Investigação Criminal (DIC) identificou e localizou um suspeito de estar se...

Por Tcharlles Fernandes

A Divisão de Investigação Criminal (DIC) identificou e localizou um suspeito de estar se passando por policial civil em Criciúma. O rapaz de 23 anos foi encontrado na região central. Na delegacia, ele informou que gosta da profissão e há cerca de quatro meses passou a afirmar para algumas pessoas que era policial civil. A conduta do suspeito configura o crime de falsa identidade, previsto no Código Penal. Ainda foi apreendida uma arma de pressão por ação de mola (tipo Airsoft), que o suspeito costumava portar para dar veracidade à falsa informação.

A arma estava sem a obrigatória marcação laranja ou vermelha na ponta do cano que identifica esse objeto. "Estas armas de pressão por ação de mola, para lançar projéteis de até 6 milímetros, devem ser transportadas com a nota fiscal original para comprovar a origem lícita. Além disso, não é permitido o seu transporte ostensivo. Estes artefatos devem exibir obrigatoriamente uma marcação de cor viva na extremidade do cano, para evitar confusão com uma arma de fogo", orienta o delegado  Yuri Miqueluzzi, da DIC de Criciúma.

Recomendados para você

Família é rendida durante assalto a residência em Criciúma

Família é rendida durante assalto a residência em Criciúma

Apesar do susto as vítimas passam bem.

Motorista mata vigilante atropelado e foge sem prestar socorro em Criciúma

Motorista mata vigilante atropelado e foge sem prestar socorro em Criciúma

A vítima estava deixando o serviço.

Estacionamento em calçadas de lojas não são exclusivos para clientes

Estacionamento em calçadas de lojas não são exclusivos para clientes

Conforme a resolução n° 302 de 18/12/2008 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), estabelecimentos que possuem vagas com recuo e paralelas à via não podem caracterizá-las como privativas.