Mulher registra boletim de ocorrência por assédio sexual contra empresário de Criciúma

O autor é proprietário de um badalado restaurante no bairro Pio Corrêa.

Por Tcharlles Fernandes

Na noite deste domingo, dia 1°, uma mulher registrou um boletim de ocorrência na Polícia Civil informando ter sido vítima de assédio sexual em seu local de trabalho, em Criciúma.

A vítima relata que estava fazendo o fechamento do caixa, quando seu patrão, proprietário de um badalado restaurante localizado no bairro Pio Corrêa, após chegar embriagado no estabelecimento, tentou passar a mão em suas partes íntimas, lhe chamando de "gostosa".

De acordo com a mulher, com medo de ser estuprada, ela correu para fora do local e pediu ajuda. A Polícia Civil investigará o caso. 

Como denunciar

A advogada criminalista Maiara Pinheiro diz que, no geral, a orientação é fazer uma denúncia formal antes de comunicar o caso à empresa. "Pode ser tanto na delegacia registrando um boletim de ocorrência ou procurando o Ministério Público, por meio do que se chama de 'notícia de fato', quanto por meio de advogado, com a elaboração de notícia crime endereçada à polícia ou ao MP", afirma.

O Ministério Público do Trabalho (MPT), salienta Maiara, tem um canal direto de denúncias de assédio sexual pelos quais a vítima pode, inclusive, pedir que seus dados fiquem em sigilo e a empresa não saberá a autoria da queixa. O contato pode ser feito pelo site, por meio do aplicativo Pardal MPT, por telefone ou pessoalmente. Depois disso, ficará a cargo do MPT abrir um processo para averiguar a situação.

Recomendados para você

Exclusivo: Polícia Rodoviária Federal prende cinco bandidos envolvidos em assalto em Criciúma

Exclusivo: Polícia Rodoviária Federal prende cinco bandidos envolvidos em assalto em Criciúma

A prisão ocorreu em Torres.

Com mandado de prisão ativo e diversas passagens pela polícia, servidor da prefeitura é preso em Criciúma

Com mandado de prisão ativo e diversas passagens pela polícia, servidor da prefeitura é preso em Criciúma

O criminoso já foi conduzido ao Presídio Santa Augusta.

Deputado Daniel Freitas protocola moção de repúdio contra o Ministério Público de Goiás

Deputado Daniel Freitas protocola moção de repúdio contra o Ministério Público de Goiás

A nota foi protocolada na manhã desta quinta-feira.