Após homicídio, criminosos incendeiam duas residências em Criciúma

A Polícia Civil investigará os casos.

Por Tcharlles Fernandes

Após a morte de Felipe da Silva Martinho, duas casas ficaram destruídas depois de serem incendiadas no bairro Rio Bonito, em Criciúma. Os incêndios foram registrados entre a manhã domingo (19) e o início da madrugada desta segunda-feira (20). De acordo com a Polícia Militar (PM), o motivo dos incêndios seria vingança pela morte de Felipe.

O primeiro incêndio foi registrado durante a manhã de domingo, na rua onde aconteceu o homicídio, por volta das 10h30min. Conforme informações de algumas testemunhas, quatro bandidos invadiram a residência onde a namorada de Felipe morava e incendiaram a casa. O Corpo de Bombeiros informou que a casa ficou completamente destruída pelas chamas.

Por volta das 0h55min desta madrugada, mais uma vez o Corpo de Bombeiros, juntamente com a PM, foi acionado para atender uma ocorrência semelhante. Cerca de cinco bandidos efetuaram 10 disparos de arma de fogo em direção à uma residência e em seguida atearam fogo no imóvel. Ninguém ficou ferido. A casa, localizada próximo ao local do homicídio, também foi destruída pelo fogo.

Até o momento, os criminosos que seriam amigos de Felipe e moradores do bairro Renascer, em Criciúma, não foram localizados.

Recomendados para você

Criminosos armados sequestram vítimas e roubam veículo em Criciúma

Criminosos armados sequestram vítimas e roubam veículo em Criciúma

Apesar do susto, as vítimas passam bem.

Assalto em andamento: criminosos invadem empresa e roubam veículo em Criciúma

Assalto em andamento: criminosos invadem empresa e roubam veículo em Criciúma

As vítimas passam bem.

Edifício Metropolitan pega fogo em Criciúma

Edifício Metropolitan pega fogo em Criciúma

Um vigilante precisou ser encaminhado ao hospital.