Criminoso que matou a filha em Criciúma tinha diversas passagens pela polícia por violência doméstica

Até o momento o indivíduo segue foragido.

Por Tcharlles Fernandes

Alex Zuchinali, de 39 anos, autor do bárbaro homicídio registrado na noite desta sexta-feira (13) no bairro Imperatriz, em Criciúma, possuía 44 passagens pela polícia.

Desde 2004, o indivíduo é conhecido na área policial por ser usuário de drogas e autor de furtos em residências na região do bairro Pinheirinho. Ao longo dos últimos anos, a ex-esposa de Alex, mãe da adolescente morta na noite desta sexta-feira, havia registrado contra o homem cerca de 17 boletins de ocorrência por ameaça, tentativa de feminicídio e lesão corporal.

Após matar sua filha, identificada como Alexia Zuchinali, de 13 anos de idade, Alex fugiu em um veículo prata e não foi localizado até o momento. A Polícia Militar (PM) segue em fazendo buscas pelo assassino. 

Recomendados para você

Em andamento: corpo de mulher é encontrado em porta-malas de veículo em Içara

Em andamento: corpo de mulher é encontrado em porta-malas de veículo em Içara

A vítima era natural do Rio Grande do Sul.

Neto agride avó a pauladas em Criciúma; a vítima teve ferimentos graves

Neto agride avó a pauladas em Criciúma; a vítima teve ferimentos graves

A vítima está internada.

Em andamento: PM recupera veículo roubado e prende criminoso em Criciúma

Em andamento: PM recupera veículo roubado e prende criminoso em Criciúma

A PM suspeita que a quadrilha vinha cometendo diversos furtos pela região.