Criminoso é preso após matar a mãe com mais de 30 facadas

Mulher de 50 anos chegou a ser socorrida, mas não resistiu.

Por Redação

Um jovem de 20 anos foi preso na madrugada deste domingo (14) suspeito de matar a mãe com 31 facadas no bairro Jardim 2000, em Itápolis, no interior de São Paulo. Luzia Aparecida Oraveis, de 50 anos, foi encontrada no chão de casa e chegou a ser socorrida, mas não resistiu.

De acordo com a polícia, o crime teria ocorrido depois de uma discussão entre mãe e filho. A vítima foi atingida nas regiões do rosto, tórax, abdômen e braços.

Policiais foram chamados após gritos serem ouvidos vindos do imóvel. O suspeito Leonardo Oraveis foi localizado e detido no telhado da casa. No quarto dele, os agentes encontraram 287 pinos de cocaína.

Oraveis estava apenas de cueca e foi levado para a delegacia, segundo a polícia. Vizinhos contaram que eram comuns suas brigas com a mãe por causa do envolvimento com as drogas.

Autuado em flagrante por homicídio doloso, ele também responderá por tráfico de drogas.

Recomendados para você

Ataques a bancos com reféns deixam 13 mortos no Ceará

Ataques a bancos com reféns deixam 13 mortos no Ceará

Ao menos 13 pessoas morreram em uma tentativa de assalto a duas agências bancárias na cidade...

Turista dos EUA se recusa a ser atendido por negros no RJ

Turista dos EUA se recusa a ser atendido por negros no RJ

Mesmo na delegacia, americano Antony Barrow continuou com falas preconceituosas contra policiais

Latam terceiriza operações em Guarulhos e Galeão; sindicato fala em 1.200 demissões

Latam terceiriza operações em Guarulhos e Galeão; sindicato fala em 1.200 demissões

Operação de rampa e limpeza, gestão de equipamentos de solo e atendimento a clientes com bagagens perdidas ou danificadas passará a ser feito por empresa terceirizada.